MMP

O que é a MMP ou Microinfusão de Medicamentos na Pele?

 A MMP, sigla para "Microinfusão de Medicamentos na Pele" é um procedimento que se utiliza de microagulhas para realizar a infusão de medicações diretamente nas camadas superficias e média da pele. É semelhante ao Microagulhamento, mas neste caso, se utiliza de um aparelho automático, projetado para infundir o princípio ativo na pele através de micro agulhas.

Quais as indicações da MMP?

A MMP pode ser indicada para tratamento de diversas alterações da pele, que vão desde rejuvenescimento facial, clareamento de manchas, cicatrizes de Acne, estrias e suavização de cicatrizes, e Calvície. Dentre estas indicações, os Tratamentos Capilares estão entre os mais avançados, com excelentes resultados na calvície masculina e feminina.

Como é o Equipamento da MMP?

O equipamento da MMP é composto de um aparelho automático  de tecnologia alemã, que possui uma ponteira incrustado por centenas de diminutas agulhas. A finalidade destas agulhas é provocar micro-lesões na pele, através de “furinhos”, que levam a medicação a pele. Esta técnica deixa áreas ao redor intactas, quase microscópicas, para que sirvam de aporte à regeneração da lesão provocada. Essas agulhinhas podem penetrar desde 0,1mm até 3,5mm na pele. As agulhas de 1,0mm ou mais só podem ser usadas por médicos. Além da pentração da medicação na pele, são feitos milhares de micro-furos, provocando assim, uma lesão intencional na pele. Como há pele intacta ao redor do furinho, ela reage para cicatrizar a pele agredida. Ao fazer isso, além de grande quantidade de colágeno é formado em toda a área. A pele regenerada agora está mais firme e regenerada uniformemente. o que é determinante para uma rápida recuperação do paciente submetido a esse tipo de tratamento.

 

Indicações para o tratamento

 
1. Tratamento de calvície
2. Rejuvenescimento de face, pescoço, orelha e mãos.
3. Acne e Cicatrizes de Acne
4. Estrias
5. Cicatrizes (para melhorar o aspecto delas)
6. Rugas e linhas de expressão
7. Flacidez leve
8. Poros abertos
9. Como auxiliar no tratamento de manchas.
 

Contraindicações

 
Não existe procedimento médicos sem riscos. O uso do aparelho provoca micro lesões na pele, assim, pode ocorrer infecção, herpes, cicatriz e até mesmo a formação de quelóides (cicatriz endurecida e saliente) em pacientes propensos a isso.
 

Quando aparecem os resultados?

 
Após a primeira sessão já se nota os resultados positivos. Geralmente, são necessárias três sessões com espaçamento de 4 a 6 semanas, dependendo da finalidade do tratamento e que tipo de agulhas serão usadas, para se ter resultados mais evidentes. É importante dizer que todo procedimento estético necessita de manutenção para o efeito do tratamento ter maior duração. Não é diferente com o MMP.
 

Como fica a pele após o MMP?

 
Após o procedimento a pele apresenta vermelhidão (hiperemia), que pode durar até dois dias, o que pode no caso da face, ser disfarçado com uma maquiagem simples, não havendo necessidade de ficar “presa” em casa. Entretanto recomendamos maquiagem só depois de 48 horas da aplicação do MMP.
 

Qualquer pessoa pode fazer o tratamento?

 
O tratamento de MMP pode ser feito em homens e mulheres igualmente. Desde pessoas muito jovens para o tratamento de estrias e cicatrizes de acne, até pessoas idosas para calvície, suavização de rugas, flacidez e revitalização de pele.
 

Cuidado após o tratamento

 
Embora muito tranquilo, também necessita cuidados. Para rejuvenescimento, o MMP tem efeito semelhante ao laser, porém é um procedimento mais seguro. Contudo, os cuidados pós-tratamento são imprescindíveis como são nas aplicações do laser. Entre esses o mais importante é o uso intensivo de protetor solar de boa qualidade, com fator 30 ou mais. Além disso, são prescritos cosmecêuticos para uso doméstico. Evitar nadar nos primeiros dias após o procedimento também é importante.
 

Quanto tempo demora a sessão de MMP?

 
É um equipamento de fácil manejo nas mãos de um médico treinado. O tempo de aplicação do aparelho gira em torno de trinta minutos, conforme a área a ser tratada. Para os pacientes mais sensíveis, esse tempo pode ser precedido de quarenta a sessenta minutos com anestésico tópico passado na área. Também pode ser realizado um bloqueio anestésico Com essa medida praticamente não há dor durante o procedimento.